Mercado odontológico

O que é anestesia eletrônica? 5 benefícios para pacientes e dentistas

A anestesia eletrônica na odontologia é uma nova forma de garantir o conforto e melhorar a experiência do paciente. 

Afinal, como bem sabemos, a simples menção da palavra “anestesia” é o suficiente para fazer muitos clientes sentirem aquele friozinho na barriga, não é? É ansiedade que não acaba mais.

Cientificamente falando, existe sim a relação entre a ansiedade e a percepção da dor durante os tratamentos odontológicos. Funciona como um círculo vicioso, no qual o estresse gerado pela ansiedade do paciente reduz a tolerância à dor, enquanto a própria dor aumenta o seu nível de estresse.

Quando falamos sobre a aplicação da anestesia odontológica em si, a falha na técnica pode ser um dos principais motivos para o surgimento de traumas relacionados ao atendimento. Não é à toa que muitas pessoas deixam de ir ao dentista na frequência correta e acabam colocando a saúde bucal em risco.

Porém, com a evolução da tecnologia na odontologia, vemos cada dia mais técnicas e equipamentos que melhoram a experiência do paciente. Nesse sentido, a alternativa eletrônica promete reduzir o tempo e a dor em procedimentos odontológicos.

Quer saber melhor o que é anestesia eletrônica? E como ela se difere para a tradicional? Então continue a leitura deste artigo até o final e descubra quais são os benefícios dessa anestesia na odontologia!

O que é anestesia eletrônica?

A anestesia eletrônica, também chamada de anestesia computadorizada, é uma técnica de aplicação de anestésicos com um aparelho controlado eletronicamente. O método permite que o dentista anestesie as mucosas e gengivas sem causar dor e com mais precisão.

Funciona assim: em vez de injetar manualmente usando seringas tradicionais, você utiliza um aparelho eletrônico que consegue direcionar a anestesia apenas para a região específica que será tratada. 

O fluido é liberado de maneira controlada, anestesiando exatamente o local necessário, sem afetar áreas adjacentes. Ou seja, a anestesia eletrônica evita a inconveniente dormência de outras partes da boca, como lábios e língua, após o procedimento odontológico.

Já que nosso papel como dentistas deve ser sempre o de acolher, informar e acalmar o paciente, é importante sermos claros em relação ao procedimento que iremos realizar para que as expectativas estejam alinhadas no momento do tratamento. 

Logo, a utilização de uma nova ferramenta tecnológica na odontologia, como a anestesia computadorizada, surge como uma opção mais “tranquila” para os pacientes, contribuindo para o aumento da confiança no dentista e a fidelização do paciente.

Qual a diferença entre anestesia eletrônica e anestesia tradicional?

Apesar de ambas serem formas seguras e eficazes na hora de bloquear a sensibilidade dos pacientes temporariamente, existem algumas diferenças entre a anestesia eletrônica e a anestesia tradicional.

Na eletrônica, o fluxo do líquido é lento e controlado automaticamente, sem a pressão manual do dentista, promovendo maior conforto ao paciente. 

Já com a seringa tradicional, o profissional precisa ter excelente técnica e perícia para inserir a agulha na velocidade adequada e injetar o anestésico uniformemente no local.

Enquanto o sistema eletrônico fornece o anestésico de forma suave e programada, a abordagem tradicional depende muito mais da habilidade e treinamento do dentista. Mesmo em mãos experientes, a injeção com seringa tende a ser mais desconfortável devido à pressão exercida.

Salve para ler mais tarde: o que atrai o paciente ao dentista? 3 etapas para conversão

Benefícios da anestesia computadorizada

Só pela explicação do que é anestesia eletrônica, você já deve ter uma ideia de suas principais vantagens. Mas para entender melhor, a seguir vamos entrar em detalhes sobre cada um dos benefícios da anestesia computadorizada!

Menos dor e desconforto

O fluxo de anestésico controlado por computador da anestesia resulta em menos dor para os pacientes durante a aplicação quando comparado com o método tradicional. 

A anestesia eletrônica oferece menos danos e pressão nos tecidos, em especial quando o assunto é a anestesia palatina. Devido a aplicação ser em uma região de tecidos mais resistentes, a anestesia tradicional exige uma pressão maior para injetar a solução e, portanto, traz mais dor para os pacientes.

Anestesia direcionada e precisa

Como mencionei ao longo do artigo, essa é uma das principais vantagens! A anestesia eletrônica permite que o dentista direcione a solução especificamente para a área que está sendo trabalhada. Ela controla o fluxo do líquido e a força necessária de acordo com a região por conta própria.

Um adendo importante aqui é que, apesar de ser mais precisa, o uso dessa anestesia na odontologia requer paciência e pode demorar mais do que o método tradicional. Mesmo assim, acredito que na balança as vantagens de segurança e praticidade ainda pesam mais!

Ajuda na ansiedade do paciente

A própria existência da anestesia eletrônica já pode ser um alívio para o psicológico do paciente, contanto que o dentista comunique e explique de forma clara os motivos de ela ser uma opção mais vantajosa.

Além disso, a agulha é menor e mais fina. Isso auxilia a acalmar os pacientes mais ansiosos ou os que têm fobia de agulhas, bem como também diminui a própria dor em si.

Não deixe de ler: como se destacar no mercado odontológico em 6 passos?

Menos complicações e recuperação mais rápida

Já que temos em mãos uma agulha menor e a quantidade de anestésico controlada, consequentemente temos também uma redução nos riscos de lesões nos tecidos, quebra de agulhas e hematomas.

Ainda por cima, os efeitos passam mais rápido do que a anestesia odontológica tradicional após a finalização do procedimento. Os pacientes podem ter a sensibilidade de volta ao normal em menos tempo, garantindo um retorno para as suas atividades regulares.

Melhor experiência do paciente

A combinação de todos os benefícios da anestesia eletrônica que citei até aqui com certeza só poderia nos levar até outra grande vantagem: a maior satisfação e melhor experiência de nossos pacientes.

Como dentistas, sabemos o quanto uma visita ao consultório pode ser uma experiência desafiadora para muitos, sobretudo para as pessoas que possuem altos níveis de odontofobia e ansiedade odontológica. O momento da anestesia na odontologia ainda angustia muita gente.

Felizmente, a anestesia eletrônica facilita esse processo e garante uma experiência mais agradável nos tratamentos. A aplicação indolor e eficiente do anestésico por esse moderno dispositivo computadorizado traz bem mais tranquilidade aos pacientes!

Inovação para atrair mais clientes

Não restam dúvidas de que a anestesia computadorizada é um investimento que vale a pena em diversos pontos, sendo inclusive um diferencial no mercado odontológico. Imagine receber indicações por parte dos seus pacientes graças a essa tecnologia?

E se você está em busca de atrair mais clientes para seu consultório ou clínica, então não pode deixar de conferir o método Gorro Branco. Um curso de marketing para dentistas aprenderem a atrair, captar e converter mais pacientes particulares pela da internet todos os dias!

É uma jornada que você vai trilhar com suporte e acompanhamento de perto de um time que te ajuda e te cobra para que você alcance as transformações reais que o curso causa.

Eu já fiz isso por mais de 2 mil alunos que já passaram pelo treinamento e estão alcançando os seus sonhos, entre eles o dos seis dígitos de faturamento! 

Gostou? Então conheça agora mesmo a metodologia e dê mais um passo para impulsionar a sua carreira. Se preferir, converse comigo agora mesmo e eu te mostro como ser um dentista de sucesso.

Aproveite para assistir ao vídeo abaixo e veja como o Gorro Branco pode mudar a sua vida!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *